18 de outubro de 2013

[Resenha] - Redes Sensuais, de Leonardo Midas

Autor: Leonardo Midas
Editora: Geração Editorial
Ano: 2013
Número de Páginas: 480
Avaliação: 4,0 / 5,0
Onde Comprar? Saraiva
Mais informações: Facebook

Este é um romance moderno, cujo tema central não poderia ser mais atual; redes sociais e o mundo virtual, com todas as vantagens e desvantagens, aventuras e perigos que essas inovações contemporâneas proporcionam às nossas vidas. Com um ritmo que prende a atenção do leitor, Redes sensuais nos oferece, com muitos GB de erotismo e suspense, uma visão extremamente realista do impacto da internet sobre os relacionamentos e de como ela, propiciando uma variedade ilimitada de coisas para ver, comprar e fazer, pode transformar, nesse processo, seres humanos em objetos e a realidade em ilusão

   Quando assumi o compromisso de ler “Redes Sensuais”, eu sabia o que me esperava. Só não sabia que seria difícil de escrever uma resenha sobre ele. Primeiro porque qualquer palavra a mais poderia estragar a curiosidade de vocês, segundo porque não quero que vocês se encham de altas expectativas e terceiro é difícil aprofundar muito na resenha quando a sinopse não revela quase nada e não serei eu o desmancham prazeres.

   Apesar de seguir a mesma trilha de “Cinquenta tons de cinza” e “Belo Desastre”, Redes Sensuais é a que mais destoa de outros do gênero, invés, de um amor proibido ou da atração pela pessoa errada, o autor usa do mundo virtual para falar sobre sexo e relacionamento. 

   Depois do advento da internet a vida tornou-se muito mais fácil, podemos realizar opções bancárias, comprar os nossos venerados livros, conversar com parentes que moram longe e claro conhecer novas pessoas. Porém, todas essas vantagens não ameniza o risco de sermos vitimas de crimes da internet. 

   O livro dividido em quatro partes vai contar a vida de Axel, Daniel, Marcos, Vanessa, Ingrid, Sandra, Pradinho, Patrícia e mais alguns. Não têm mocinhos ou vilões, o que têm são apenas pessoas mais frágeis do que outras, porém são todos normais. E ao decorrer do livro esses personagens vão se ligando e formando uma rede de intrigas, líbidos e sarcasmo.

   Não torci por nenhum personagem e nem me apeguei a nenhum, era como eles fossem transeuntes que encontramos no nosso dia a dia, mas que por alguma razão reparamos com uma maior percepção.

   L. Midas conduziu a narrativa com excelência e mostrando total domínio na parte técnica, onde descreve sobre operações da internet, hackers e transferência bancárias. As cenas de sexo foram bem detalhadas, porém não são vulgares se tomamos o ponto de vista dos personagens. A ambientação da estória se concentra em Belo Horizonte, porém ganha aventuras em diversos países. 

   Enquanto ao final, acho que poderia ter sido escrito mais uma página, explicando as reações finais do personagem, porque eu tirei minhas próprias conclusões disso. (aqui só quem leu, vai me entender, rs). Para quem já leu E. L. James, Sylvia Day e Jamie McGuire, Leonardo Midas vem para mostrar que o gênero masculino também pode se sair muito bem nesse tipo de literatura.

36 comentários:

  1. Oi Lucas,
    tudo bem?
    Não é muito o meu gênero, confesso. Por isso acho que não leria esse livro. Mas apesar disso, acho muito importante livros serem escritos sobre temas tão atuais que precisam ser regulamentadas, usando a internet ainda estamos muito vulneráveis, tudo pode acontecer.
    Beijos.
    Cila- Leitora Voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro me surpreendeu exatamente por isso, Cila. É muito difícil encontrar temas tão atuais em livros desse gênero.

      Excluir
  2. Não sei se leria este livro, pois não é o tipo de leitura que me agrada. Um ponto que achei bem interessante e super válido, foi o que você destacou sobre o autor em que ele mostra domínio ao falar de assuntos relacionados a internet e etc. Bem bacana!

    Beijos.
    http://umajovemleitora.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi, Lucas!
    Eu comecei a ler esse livro e não consegui continuar, acredita? É um gênero que eu adoro e estava numa fase bem de romances eróticos e fanfics, mas Redes Sensuais me tirou completamente dela. Achei a narrativa bem seca, tipicamente masculina (na minha opinião). A emoção, os parágrafos de divagação e sentimentos da protagonista — que eu não encontrei nessa primeira parte. Afinal, quem era? A Sandra, a mulher do carinha que eu esqueci o nome?... — eram inexistentes, e eu ansiava por isso (já que não é apenas sexo... é um amor meio maluco, e eu gosto dele.)

    Fui levando numa boa, pulando algumas das longas descrições sobre o menino lá que tinha uma empresa on-line (veja como eu consegui me concentrar no livro: mesmo com todos os nomes escritos na resenha, eu não consigo lembrar quem é quem :s), mas não consegui aguentar o ritmo da narrativa do livro, não :( Acabei parando no início da segunda parte e acho que não vou voltar a lê-lo tão cedo...

    Beijos,
    Gih

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHA, talvez tenha sido por isso que não tenha encontrado tanto problema na narrativa. Mas, como você disse tem muitos personagens e isso pode ser um problema, porém, felizmente me dei bem. É uma pena que não tenha gostado tanto.

      Excluir
  4. Nossa, parabéns primeiramente pela sinceridade. E também pela resenha, Confesso que não leio muito esse tipo de livros, mas gosto é gosto.
    abraços!!!
    palavrapequenas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Hummm... eu como boa amante do gênero erótico que sou estava ansiosa para ler alguma resenha sobre esse livro, antes de comprá-lo.
    Sua resenha não me decepcionou, me aguçou a curiosidade, isso sim *.*
    Acho que vou adorar o livro e assim que puder lê-lo te conto minhas impressões sobre. Adorei ler a resenha de um erótico feita por um rapaz, ela ficou totalmente bem feita, que fofo.
    Beijão
    Viviane
    Razão e Resenhas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, Vivi. Demorei um bom tempo para fazer essa resenha, rs.

      Excluir
  6. Gostei da resenha, deu para ver o quanto você foi sincero sobre o que achou do livro, eu não costumo ler livros desse gênero e por isso não me senti atraído pelo mesmo, mas sua resenhas está ótima, sem rodeios, direta e detalhada.
    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Gostei da resenha Lucas. Olha, eu amei Belo Desastre porém detestei Cinquenta Tons de Cinza, então, baseada nisso, não sei dizer se leria o livro ou não. Abraço!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  8. Realmente, a sinopse não fala quase nada sobre a história do livro, então não dá nem pra bater aquela curiosidade ou ver se é seu estilo e tal. Mas pela sua resenha eu acredito que eu vá gostar sim!

    Um beijo
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Confesso não ser o tipo de literatura que me agrada, até por isso não me interessou. Porém, curti sua resenha.

    http://cantinadolivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Depois dessa onda de livros desse tema, me deu uma preguicinha :// Só li 50 tons e Belo Desastre (que nem considero tão sexual assim, sério). Mas muito bom saber que mais um autor brasileiro tem se destacado.
    Eu passei o mesmo problema que vc, resenhei hoje o livro da Simone O. Marques e a sinopse dizia tão pouco do livro que na hora de falar sobre eu não queria estragar a surpresa pra quem fosse ler, pq foi isso que tornou o livro interessante pra mim!

    beijos
    Bia - www.livredujour.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É tão difícil resenhar quando a sinopse não fala nada, nunca sabemos até onde falar exatamente, rs.

      Excluir
  11. Olá... tudo bem...
    Vim conhecer o blog através do grupo no facebook Blogueiros Literários e estou seguindo.
    Eu nunca tinha ouvido falar nesse livro, mas achei o tem interessante pelo fato de ser com a internet no meio, tenho vontade de conhecer esse lado escrito nos livros... porque gostei de 50 tons e estou com Belo Desastre aqui e como você disse que o assunto sexo é detalhado sem ser vulgar acredito que eu vá gostar, pois gostei do nome e da capa...

    Te convido a conhecer o meu blog... Caso goste e queira seguir eu agradeço.

    Xero!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Diana,
      Como disse, o livro não é vulgar se olharmos pelo o personagem já que é a realidade dele.

      Indo lá no seu blog, agora. (=

      Excluir
  12. Acredita que já tinha visto esse livro, mas nunca li uma resenha? Nem sabia do que se tratava, mas depois de ler aqui, fiquei bem curiosa sobre ele.
    Ainda mais depois de você dizer que é tão bom quanto as histórias das autoras.
    beijos
    apenas-um-vicio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Li Redes Sensuais e realmente adorei. Achei um livro super atual, inteligente, a história toda se fecha num crescendo, o ritmo vai aumentando. Estou lendo uma segunda vez. Decepcionante para quem espera um "50 Tons" com certeza, boa pedida para quem quer uma leitura diferente, intrigante e divertida - eu ri demais e minhas amigas também. Super recomendando!!!!!

    ResponderExcluir
  14. Lendo os comentários, a resenha, talvez seja o caso que o público do livro seja pessoas mais velhas. As divagações, os comentários, as dúvidas são todas coisas que eu e minha amigas adoramos e nos identificamos - típicas de quem já constituiu família, já se estabeleceu na vida e se pergunta "E agora?".... Para estas, Redes é a leitura "do momento", na minha opinião.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo contigo, Carolina. Não é todo mundo que aprecia esse tipo de gênero, o publico maior está em pessoas que já se estabeleceram na vida.

      Excluir
  15. Ah, nunca ouvi falar desse livro, mas sou apaixonada por esses new adults que estão na moda agora... Um homem escrevendo então? A curiosidade fala mais alto que qualquer coisa, preciso ler esse livro!
    Ótima resenha!
    Beijos,
    Ana M.
    http://addictiononbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi
    Estou com esse livro aqui pra ler e vai ser uma das minhas próximas leituras, estou bem curiosa sobre essa trama e espero que tenha uma história de fundo legal.
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  17. Olha... Eu não consegui terminar nenhum livro do gênero. A verdade é que eu só li realmente 50 tons de cinza, quer dizer... eu tentei.
    Já li livros adult, mas geralmente eles tem umas cenas quentes... mas são voltados para outras coisas, geralmente são poucas cenas huahauahuaahuaha
    Esse eu não conhecia, parece ser bacana :D
    Beijos,
    Paula
    http://psicosedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá.
    Nossa eu li somente resenhas deste gênero hoje rs
    Realmente não dá para falar mais? que sacanagem rs
    Eu realmente fiquei curiosa e quero muito ler.

    Gostei da resenha e ainda não conhecia.
    Abraço.
    Tamires C.
    http://de-tudo-e-um-pouco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Ja li e ouvi muitos comentários sobre o livros. Não é um gênero que eu explore muito e acho que nem quero porque nunca fez meu tipo esse tipo de leitura, mas eu gosto de me aventurar então, acho que posso ler ele, mas só de pois que eu ler a trilogia "Cinquenta tons de cinza" até porque em uns dos comentários que eu li sobre esse livro muitos falavam que ele era a"cópia mais seca" dessa trilogia.

    XOXO :D
    Joven Clube | Offcial

    ResponderExcluir
  20. Sinceramente Lucas seria muito difícil eu ler este livro, não sou muito fã de livros com essa temática, seria bastante complicado ele me cativar.

    Abraços,
    muchachoonline.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Esse é exatamente o tipo de livro que não gosto, não quero e nem tenho vontade de ler. Com essa onda toda de 'hots' meu bolso só agradece, senão já ia estar falida. Mas, como disse, dificilmente leria.

    http://memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. livro bem escrito de leitura fácil e interessante, que prende e não vulgariza ou menospreza a mulher, já que escrito por um homem. LMidas conduziu de forma inteligente a narrativa com final surpreendente e trata de vários assuntos do mundo virtual, atual sem ficar taxativo só no assunto sexo.Já estou lendo pela 2ª vez........Imperdível!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não poderia ter dito melhor, Angela! É ótimo.

      Excluir
  23. É complicado mesmo falar de um livro quando tem poucos assuntos e tudo pode se tornar spoiler. Estou com uma resenha para fazer e estou nessa mesma situação.
    Parece ótimo o livro, curioso, eu diria.
    Estou sorteando DEZ livros em ritmo de Halloween, você poderá levar todos para casa.
    Participe!
    M&N | Desbrava(dores) de Livros

    ResponderExcluir
  24. Oi. :)
    Acredita que sábado eu estava na livraria leitura e peguei nesse livro kkkk
    Ainda pensei: Depois de cinquenta tons de cinza tem muitos livros desse género. Eu super me interessei pela capa, acho que é um tema bem atual, abordar essa relação com a internet e misturar o sensual e tal. Agora me arrependi de não ter dado mais atenção a ele. ;@@ Adorei sua resenha.
    Beijos

    http://elaeseuslivros.blogspot.com.br ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com tantos lançamentos neste gênero, realmente ficamos receosos. Mas desse, eu gostei. (=

      Excluir
  25. Olá Lucas!Tudo bem?
    O livro é mais um daqueles que levam o erotismo.Tenho os outros dois lançados pela editora,mas não me interessei ainda em lê-los. Estou dando um momento neste genero. Não digo que não vá lê-lo, mas sim dar um tempo e assim que estiver cativa a ler, tomarei eles e desfrutarei da leitura.
    Por enquanto, o que posso dizer que sua resenha esta excelente.Na maior certeza deixa uma duvidas em nossas cabeças, que somente lendo saberemos conclui-las.

    Parabéns pela resenha!

    Beijokas Ana Zuky

    Blog Sangue com Amor

    ResponderExcluir
  26. Eu tinha prometido não ler nenhuma resenha desse livro antes de ler ele, mas como ele esta na estante e será minha próxima leitura, resolvi dar uma espiada, e gostei do que li já sei que vou gostar do livro, tenho lido alguns eróticos diferentes de 50 tons e tenho gostado.
    A tua resenha ficou muito boa.
    Beijão
    http://lilicasg.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Woooow, desconhecia o livro, Lucas e achei bastante interessante.
    Quero agradecer seu comentário no meu blog, porque ele me permitiu conhecer o seu e agora – retribuindo sua visita – pude conhecer um livro que sequer ouvi falar antes.
    Redes Sensuais parece fugir do conceito que temos de livros eróticos, nos quais os personagens são basicamente perfeitos fisicamente, milionários, poderosos, autoritários e outros adjetivos que os distanciam da nossa realidade. :)
    Realmente, levarei o livro para os meus desejados, porque fiquei curiosa com a narrativa, especialmente sendo de um autor e não autora como comumente é neste gênero.
    Ótima resenha.
    Beijos!!!

    www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  28. Uau!!
    Confesso que depois de "Cinquenta Tons", acho todo o resto cópia. Mas mesclar sensualidade com o tema de relacionamentos virtuais, me atraiu bastante.
    Indo pesquisar sobre o autor em 3,2, 1....
    O book tour fiou muito bom. Gostei.

    ResponderExcluir